sexta-feira, 19 de outubro de 2007

Diz que é uma espécie de postagem

A ideia era simples: fugir à monotonia do trabalho e assistir às gravações do programa Diz que é uma espécie de Magazine dos conhecidos Gato Fedorento. O local fica por revelar não vá a multidão que lê este blog (!) imiscuir-se nos assuntos "Fedorenticos" e resolver aparecer em futuras gravações (1 ponto para humor corrosivo do dia).

Na verdade não sou grande fã da rapaziada mas não vou negar que tem a sua piada ver o quarteto em acção, principalmente no que diz respeito às tropelias que fazem à margem das gravações propriamente ditas (Outro ponto, talvez para a confissão sincera do dia).

O cenário foi o seguinte, eu I e M. Um vidro a separar-nos, do lado de lá os Gatos e figurantes super fashion e super giras, tudo muito; do lado de cá eu com uma maçã na mão e I com um vaso de flores amarelas ao colo. Quem passasse poderia, com toda a liberdade, pensar que seríamos fãs incondicionais do programa, com posters de Ricardo Araújo Pereira nas paredes do quarto e com comentários ao pé da boca do género:"Zé Diogo se emagrecesses uns kgs ficavas um mimo" ou "Ricardo dá-me a tua camisola". Mas não.

Até que nos assomou algum bom senso e decidimos guardar a planta, deitar os resquícios de maçã fora e tomar um café na rua.
Com a dose de cafeína necessária para aguentar mais umas duas horas, voltámos ao local do crime. Eu e I, desportivas, sentámo-nos, por minha sugestão, no chão. Aquela alcatifa convidativa faz-me olhar para aquele tecto, que me parece quase metálico. Adiante.
M., com a sua saia, sempre impecável, decidiu, também por minha sarcástica sugestão, ir buscar uma cadeira. Daí fizemos a nossa tribuna vip. M. acima, quase real, nós cá em baixo, quase plebeias!
No fim ainda houve tempo para os autógrafos personalizados com um toque fedorento, claro está.

Um dia perguntaram-me qual seria a pessoa a quem eu pediria um autografo. Eu cá continuo sem ter resposta.

Há coisas que me fazem pensar que até gostei de trabalhar "aqui" durante os últimos 9 meses e se calhar até vou ter saudades. Quanto mais não seja por fugir a estas rotinas.

2 comentários:

I disse...

Plebeias desportitas... Adorei!

O Diogo aconselhou-me a beber sumos de kunami. (?) E eu para aqui toda feliz e contente.

Mo disse...

olha que sorte :D e imagens é pedir muito?